Infertilidade Conjugal

A infertilidade conjugal é definida como a ausência de gravidez após o período de um ano, com relações sexuais frequentes (cerca de 3 vezes por semana) e sem o uso de métodos contraceptivos. Diante desta dificuldade, recomenda-se que o casal passe por uma avaliação com um médico especialista e realize alguns exames para descobrir por que a gravidez ainda não aconteceu. Para mulheres com mais de 35 anos, atualmente se recomenda que a investigação seja realizada após 6 meses de tentativas.

 

Muito importante salientar que o problema é do casal e que é de extrema importância a investigação tanto da mulher quanto do homem. Cerca de 40% dos casos é por fatores femininos, outros 40% por fatores masculinos e os 20% restantes por associação de fator masculino e feminino.

As principais causas da infertilidade conjugal são:

Fatores Femininos

    1. Fatores Ovarianos: o Exemplo mais clássico é a Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP)

 

    1. Fator tuboperitoneal: Decorrente de processos infecciosos e / ou inflamatórios no abdome, cirurgias prévias, endometriose e nas próprias tubas uterinas.

 

    1. Endometriose: Doença inflamatória que pode prejudicar a qualidade dos óvulos e altera a implantação embrionária por alterações no endométrio (região interna do útero)

 

  1. Fatores uterinos: Miomas (nódulos de musculatura uterina), pólipos, sinéquias, adenomiose, septos uterinos.

 

Fatores Masculinos

 

    1. Disfunções sexuais: dificuldades de manter a ereção que permita as relações sexuais podem fazer parte do fator de infertilidade, sejam por causas psicológicas ou anatômicas.

 

    1. Alteração da qualidade do sêmen: diminuição da concentração, motilidade ou morfologia (formato) dos espermatozoides.

 

  1. Azoospermia: este termo se refere à ausência total de espermatozoides no sêmen. Ela pode decorrer de alguma obstrução à passagem dos espermatozoides dentro do próprio trato genital masculino ou à ausência da produção de espermatozoides pelos testículos.

 

Infertilidade Sem Causa Aparente (ISCA):

 

Em cerca de 10 a 15% dos casos de infertilidade, mesmo após o casal ter realizado todos os exames, não é encontrada nenhuma causa que justifique a ausência da gravidez. Isto não significa que não exista uma causa. Evidentemente, algo está dificultando a gravidez, mas os exames diagnósticos são limitados e há inúmeros outros possíveis fatores de infertilidade para os quais não existem exames investigativos.

 

Exames obrigatórios para investigação básica do casal infértil, após anamnese e exame físico

 

EXAMES DE INFERTILIDADE PARA A MULHER

    1. Ultrassom pélvico / transvaginal

 

    1. Histerossalpingografia

 

    1. Dosagens de hormônios (FSH, LH, estradiol, progesterona, Hormônio Anti-Mulleriano, Prolactina, TSH, T4 livre).

 

  1. Sorologias: Sífilis, HIV, HTLV 1 e 2, Hepatite B, Hepatite C, Toxoplasmose, Rubéola

 

EXAMES DE INFERTILIDADE PARA O HOMEM: 

 

    1. Espermograma

 

  1. Sorologias: Sífilis, HIV, HTLV 1 e 2, Hepatite B, Hepatite C, Toxoplasmose, Rubéola

É importante lembrar que esses exames descritos são aqueles que, em Reprodução Humana e Infertilidade, costumamos pedir na investigação básica dos casais. Dependendo dos achados e dos diagnósticos realizados (ou suspeitados), outros exames e procedimentos poderão ser necessários até que se faça o diagnóstico completo e definitivo.

 

E a depender dos resultados dos exames associados com a história clínica, indicamos ou não algum tratamento em Reprodução Assistida.

  1. Baixa Complexidade:
    • Coito (Namoro) Programado

 

  • Inseminação Intrauterina
  1. Alta Complexidade:
  • Fertilização in Vitro (FIV)

 

Perguntas Frequentes

Confira abaixo algumas das principais dúvidas e perguntas que os nossos pacientes fazem:

Quais os principais exames para saber se sou infértil?

Saiba mais

Como funciona e como calcular período fértil de uma mulher?

Saiba mais

o que é a síndrome dos ovários policísticos?

Saiba mais
Veja as perguntas mais comuns

Central Educativa

Veja nossos artigos e materiais educativos sobre fertilidade e tópicos relacionados à reprodução humana.

o que é fertilização in vitro (FIV)?

o que é fertilização in vitro (FIV)?

01 de set de 2020

Para casais que desejam ter um filho, mas possuem algum tipo de dificuldade para engravidar, existem diversos procedimentos que facilitam a gravidez....

Ver mais

Venha nos visitar

Venha nos visitar

Localização:

R. Teixeira da Silva 54, 11º Andar | Bela Vista - São Paulo, SP A 100 metros do Metrô Brigadeiro

Segunda a sexta, das 08 às 19h, e Sábado das 8 às 12h .

Entre em Contato

Disponibilizamos canais exclusivos para atendimento de nossos clientes. Preencha o formulário, ou se preferir utilize outro canal de contato abaixo.

Tem alguma dúvida? Ligue para Nós!

Ligue para Nós 11 4750.2231

Envie um WhatsApp!

11 99738.3269

Clínica Viventre © 2020 - Todos os direitos reservados.

Criação de Site: Agência 3xceler
Olá!

Gostaria de receber uma ligação?

Ligar